logo

Programação do 62º seminário do GEL


62º SEMINáRIO DO GEL - 2014
Título: As microestruturas de etnotopônimos da mesorregião sudeste mato-grossense
Autor(es): MARIA APARECIDA DE CARVALHO. In: SEMINÁRIO DO GEL, 62 , 2014, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2014. Acesso em: 26/02/2024
Palavra-chave etnotopônimos, etnotopônimos, estudo lexicográfico
Resumo

A toponímia, estudo dos nomes de lugares, estabelece relações com diversas áreas do conhecimento humano, como por exemplo: botânica, cartografia, etnologia, geografia, história, zoologia, etc. Na pesquisa toponímica, a unidade lexical utilizada para particularizar um determinado ponto geográfico ao referir-se a elementos étnicos, isolados ou não (povos, tribos, castas) é classificada, taxionomicamente, como etnotopônimo. Os etnotopônimos sudeste mato-grossenses não se apresentaram em volume muito expressivo, quando da pesquisa toponímica realizada para elaborar minha tese de doutorado. Considero, no entanto, que os etnotopônimos mostram-se significativos, sobretudo, por essa Mesorregião ter recebido pessoas de todas as regiões do País que ali chegaram, desde finais do século XIX, para exercer atividades extrativas que lhes propiciaram partilhar da busca por riquezas minerais, com a garimpagem de ouro e diamantes. É importante, também, registrar que esta pesquisa deu continuidade ao processo de elaboração do Atlas Toponímico do Estado de Mato Grosso. Costuma-se ao realizar uma pesquisa toponímica, elaborar relações dos topônimos coletados que estejam em um município, em uma microrregião, em uma mesorregião ou, até mesmo, em um estado. Essas relações de topônimos possibilitam, também, o desenvolvimento de várias outras análises linguísticas que poderão apresentar características quantitativas, qualitativas ou ambas e, certamente, ratificam ampliações de pesquisas linguísticas. Os levantamentos dos sintagmas toponímicos foram efetuados em cartas topográficas e em mapas, todos em escala 1:100.000 e registrados dentro dos limites dos 22 (vinte e dois) municípios que compõem 04 (quatro) microrregiões mato-grossenses: Alto Araguaia, Primavera do Leste, Rondonópolis e Tesouro e formam a mesorregião Sudeste Mato-grossense. Ampliamos o banco de dados do Projeto, com as inclusões das fichas lexicográfico-toponímicas, referentes a esta segunda pesquisa para, dessa forma, manter os registros de todos os topônimos pesquisados. Neste caso específico, os etnotopônimos são gentilícios ou gentílicos que foram utilizados para dar nomes a acidentes físicos da Mesorregião. É um estudo lexicográfico que compara as microestruturas de etnotopônimos sudeste mato-grossenses, realizado em 05 (cinco) dicionários de língua portuguesa: Aurélio, Borba, Caldas Aulete, Michaelis e Houaiss.