logo

Programação do 62º seminário do GEL


62º SEMINáRIO DO GEL - 2014
Título: O ensino da língua inglesa por meio de campos lexicais
Autor(es): Danieli Daiani Francisquini Ocampos, Auri Claudionei Matos Frübel. In: SEMINÁRIO DO GEL, 62 , 2014, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2014. Acesso em: 22/02/2024
Palavra-chave língua inglesa, língua inglesa, ensino-aprendizagem
Resumo

É muito importante ressaltar o ensino do vocabulário na Língua Estrangeira, pois é a partir da palavra que nomeamos a realidade, além disso, entende-se que para saber falar fluentemente uma língua o aprendiz tem no vocabulário a porta de entrada para o novo idioma. Diante disso, a presente pesquisa tem o objetivo de propor uma discussão sobre o ensino da Língua Inglesa, em especial, o ensino e aprendizagem do vocabulário, a partir das Teorias da Lexicologia, considerada a ciência que estuda as unidades lexicais, tanto no que se refere ao significado quanto ao significante. Contudo, este trabalho vai focalizar a teoria dos Campos Léxicos (COSERIU, 1977) que representam uma estrutura, um todo articulado, onde há uma relação de coordenação e hierarquia articuladas entre as palavras. Portanto, pretende-se verificar como esses pressupostos poderiam contribuir para a adequação e aprimoramento das atividades no ensino e aprendizagem do léxico em Língua Inglesa. O que tornará este estudo mais interessante é a sua aplicação prática numa turma de Ensino Médio do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) Campus Aquidauana, onde serão desenvolvidas atividades diferenciadas como: listas de vocabulário, mapas conceituais, prefixos e sufixos, combinação de palavras com definições, colocação, ações e gestos e atividades lúdicas como palavras cruzadas, anagramas, jogos de memória, caça-palavras, bingo, forca e outras, elaboradas e baseadas em situações nas quais o vocabulário estará inserido em temas específicos, com isso os alunos poderão ter contato com o léxico relacionado ao tema, reforçando a ideia de que o vocabulário se aprende usando quantas vezes for possível e em contextos diferenciados. Dessa forma, pretende-se desenvolver uma pesquisa quantitativa-qualitativa, verificando o resultado dessas atividades para a aquisição de vocabulário dos alunos, sendo averiguado por meio de questionários, conversas formais e informais, testes de compreensão e principalmente na observação das aulas em que as atividades serão desenvolvidas.