logo

Programação do 62º seminário do GEL


62º SEMINáRIO DO GEL - 2014
Título: O artigo de opinião no ensino fundamental
Autor(es): Sílvia Mamede de Carvalho. In: SEMINÁRIO DO GEL, 62 , 2014, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2014. Acesso em: 05/03/2024
Palavra-chave Ensino, Ensino, Argumentação
Resumo

O presente trabalho trata de questões voltadas ao ensino do gênero artigo de opinião no 9º ano do Ensino Fundamental, para conhecer e explicitar de que modo os professores de língua portuguesa da rede estadual paulista são orientados em seus procedimentos de ensino-aprendizagem desse gênero e quais resultados se observam quanto aos textos produzidos pelos alunos durante as aulas a partir dessa orientação. Busca-se, assim, verificar de que modo o material apostilado utilizado contribui para a aprendizagem desse gênero argumentativo. Para tal fim, procede-se à análise do Currículo de Língua Portuguesa, adotado nas escolas da rede estadual de ensino do Estado de São Paulo, além de se descreverem os encaminhamentos propostos para o ensino do artigo de opinião contidos nos Cadernos do Professor e as atividades de leitura e produção de textos dos Cadernos do Aluno. Ainda quanto à metodologia, são adotados procedimentos de coleta de textos produzidos por alunos de uma escola pública paulista, concluintes do Ensino Fundamental, para observar e analisar as principais características e dificuldades, tanto em relação à estrutura do texto, quanto ao uso estratégico da língua portuguesa em termos de persuasão. A base teórica que fundamenta essa investigação está pautada na definição de texto e gênero do discurso de Bakhtin (2011), que concebe a linguagem como um conjunto de práticas sociointeracionais, realizadas por sujeitos históricos e reconhece os gêneros como elementos fundamentais para a comunicação humana, e nas considerações de Schnewuly e Dolz (2004) acerca da importância do ensino dos gêneros textuais orais e escritos na escola. Recorre-se a Koch (2011), que trabalha estratégias de ensino da produção textual e aborda conceitos sobre argumentação e linguagem e, também, aos pressupostos da Nova Retórica elaborados por Perelman e Olbrechts-Tyteca (2005) a respeito da argumentação, conceitos, e procedimentos que necessitam ser mobilizados na produção de textos argumentativos.(Apoio: CAPES)