logo

Programação do 63º seminário do GEL


63º SEMINáRIO DO GEL - 2015
Título: HQ em materiais didáticos para o ensino de espanhol/LE
Autor(es): Aline Cristina Polin. In: SEMINÁRIO DO GEL, 63 , 2015, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2015. Acesso em: 26/02/2024
Palavra-chave historias em quadrinhos, materiais didticos, ensino de espanhol
Resumo

Questões econômicas, culturais e políticas unem os países da América Latina e despertam o interesse dos brasileiros pela língua espanhola. Com a assinatura do Tratado de Assunção (Mercosul), a inclusão do espanhol no currículo do ensino médio (lei 11.161/2005), a sua inclusão como língua estrangeira no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e a presença das línguas estrangeiras no Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) para o currículo do Ensino Fundamental em 2011 e do Ensino Médio em 2012, o Espanhol passou a ganhar espaço no mercado editorial e, com isso, muitos materiais didáticos foram elaborados para seu ensino no âmbito escolar. Pela praticidade de leitura, sua versatilidade e a multiplicidade de interpretações, as histórias em quadrinhos (HQs) são um dos elementos incorporados à produção de materiais didáticos - tanto nos de Língua Materna (LM) quando nos de Língua Estrangeira (LE)-, e têm sido empregadas com diferentes objetivos. Trata-se de um recurso visual/textual frequentemente relacionado ao lazer, o que torna a leitura muitas vezes mais atrativa; outra das razões do interesse dos jovens pelo gênero se deve à transposição de suas histórias e personagens à linguagem cinematográfica e televisiva. Tendo em vista essa procura pelas HQs e a variada gama de manuais para o ensino de língua espanhola que surgiram na última década, esta pesquisa visa observar e analisar de que maneira esse gênero textual (Marcuschi, 2008) vem sendo utilizado em alguns destes materiais publicados nos últimos dez anos, mais precisamente entre os anos de 2003 e 2013. Através de autores especialistas na área como Vergueiro (2005) e Ramos (2009) e considerando as reflexões de Franzoni (1992) sobre material autêntico, pretendemos, desta forma, observar e entender a presença das HQs nos manuais didáticos brasileiros para o ensino e o aprendizado do espanhol como Língua Estrangeira (LE) em termos quantitativos e qualitativos.

​