logo

Programação do 63º seminário do GEL


63º SEMINáRIO DO GEL - 2015
Título: Remediação e hipermodalidade: um estudo de caso baseado no livro digital "Our Choice"
Autor(es): Elis Nazar Nunes Siqueira. In: SEMINÁRIO DO GEL, 63 , 2015, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2015. Acesso em: 23/02/2024
Palavra-chave remidiao, hipermodalidade, livro digital
Resumo

A presença cada vez maior e mais intensa das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs) no cotidiano contemporâneo tem promovido uma reorganização expressiva no chamado Sistema de Mídias (BRIGGS; BURKE, 2004). Nesse sistema, as mídias estabelecem relações de competição, em que se anulam ou se substituem com o tempo, mas, sobretudo, estabelecem relações de coexistência, nas quais apenas se complementam, desempenhando diferentes papéis, de acordo com suas particularidades e potencialidades. Essas relações de coexistência são sustentadas, principalmente, por processos de remidiação (BOLTER; GRUSIN, 2000), nos quais as novas mídias possuem suas estratégias para reformular as antigas, enquanto as antigas se reformulam para responder às novas (BOLTER; GRUSIN, 2000, p. 15), sempre em uma tentativa de oferecer uma experiência mais autêntica a seus consumidores. Diante desse quadro, o presente trabalho buscou analisar e compreender esses processos, por meio do estudo de dois objetos específicos: o documentário “An Inconvenient Truth”, e o livro digital “Our Choice”. Ambas as mídias foram produzidas por Al Gore, famoso ativista ambiental e antigo vice­presidente dos Estados Unidos, respectivamente, nos anos de 2006 e 2011. A partir de um olhar inicial sobre os dados, quatro temáticas específicas foram selecionadas para o estudo. A análise preliminar consistiu na descrição e na análise dos dados e, posteriormente, um experimento foi aplicado a quatro sujeitos cuja língua materna é o inglês – uma vez que ambas as mídias estudadas possuem esse idioma como original. No experimento, os sujeitos assistiram a todo o documentário e, depois, exploraram os capítulos selecionados do livro digital. Depois, um questionário foi respondido, para que fossem verificadas quais informações foram apreendidas por cada sujeito em relação ao documentário e ao livro digital. Os resultados dos questionários apontaram para uma interessante diferenciação de apreensão em função dos conteúdos temáticos, com divergências entre questões técnicas ­ com precisões científicas e dados numéricos ­ e questões que envolviam narrativas pessoais ou sociais. Foi possível, então, estabelecer relações entre as linguagens presentes em cada mídia e os affordances de seus suportes e o tipo de conteúdo e de tema abordado. Assim, torna­se possível refletir sobre as vantagens e desvantagens de cada mídia, e expandir as reflexões acerca de seus usos em contextos educacionais.