logo

Programação do 63º seminário do GEL


63º SEMINáRIO DO GEL - 2015
Título: Uma análise discursivo-funcional do nexo concessivo a pesar de (que) no espanhol peninsular falado
Autor(es): Brbara Ribeiro Fante. In: SEMINÁRIO DO GEL, 63 , 2015, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2015. Acesso em: 25/02/2024
Palavra-chave Gramtica Discursivo-funcional, espanhol falado, a pesar de (que)
Resumo

O objetivo geral deste estudo é descrever as construções concessivas prefaciadas por a pesar de (que) no espanhol peninsular falado à luz da teoria da Gramática Discursivo-Funcional (HENGEVELD e MACKENZIE, 2008) a fim de verificar em que nível e camada propostos por essa teoria essas estruturas atuam sob a hipóteses de que diferenças semânticas e pragmáticas entre a pesar de e a pesar de que. De acordo com Bosque e Demonte (2000) a pesar de pode ser usada como locução prepositiva e introduzir tanto sintagmas nominais quanto orações de infinitivo, tal como mostram os exemplos: A pesar de ella, conseguí quedarme con los niños; A pesar de salir tan tarde, llegamos a tiempo. Já apesar de que apresenta comportamento semelhante à conjunção aunque quanto ao uso dos tempos e dos modos: a pesar de que se diga eso, verás cómo remontan en el último momento. Flamenco García (2000) afirma que a escolha do modo verbal nas orações concessivas reflete o caráter de factualidade dessas construções, que podem ser divididas em três grupos: o das concessivas factuais ou reais, o das concessivas semifactuais e o das concessivas não-factuais ou não-reais. Do mesmo modo, Hengeveld (1998) afirma que a relação concessiva envolve essencialmente a questão da Pressuposição, já que o falante tem uma visão sobre o seu ouvinte e sobre seu conhecimento de mundo. Ainda de acordo com o autor, esse fator pode ser aplicado tanto no domínio factual quanto no domínio contrafactual. Assim, pretendemos responder, também, às seguintes questões: em que medida os critérios Factualidade e Pressuposição podem ajudar na distinção entre a pesar de e a pesar de que? Esses critérios diferenciam de alguma maneira as concessivas que ocorrem nos diferentes Níveis? O universo de investigação consiste no corpus do projeto PRESEEA (Proyecto para el Estudio Sociolinguístico del Español de España y de América), que reúne inquéritos representativos do mundo hispânico e sua variedade geográfica e social. A importância desta investigação consiste em contribuir para os estudos descritivos do espanhol falado e testar a aplicabilidade do modelo da Gramática Discursivo-Funcional, contribuindo para seu avanço.

(Apoio: FAPESP Processo nº 2013/20839-5)