logo

Programação do 63º seminário do GEL


63º SEMINáRIO DO GEL - 2015
Título: O discurso no discurso: reflexões e refrações das palavras de Simone de Beauvoir reportadas em enunciados publicitários
Autor(es): Maria Elizabeth da Silva Queijo. In: SEMINÁRIO DO GEL, 63 , 2015, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2015. Acesso em: 22/02/2024
Palavra-chave dialogismo, discurso citado, publicidade
Resumo

Partindo de uma perspectiva que considera a presença do outro no discurso como constitutiva da linguagem, discute-se nesta comunicação a mobilização das palavras alheias e seus efeitos por meio do discurso citado. A retomada do discurso de outrem em um novo discurso, ainda que utilizando um recurso de marca tipográfica como as aspas, não pode ser vista como mera reprodução ou repetição das palavras do outro, mas, e principalmente, como interação entre o discurso citante e o discurso que é citado, posto que enunciar, mesmo que palavras de outrem, implica uma tomada de posição por parte de quem cita diante do que é citado. Esse processo de interação, visto como diálogo, permite que outros discursos e valores sociais atravessem o discurso citado e acabem nele imbricados, refratando-o, em maior ou menor medida. O objetivo deste trabalho é demonstrar como o discurso de outrem, ao ser retomado em um novo discurso, não apenas reflete valores como também os refrata. Para tanto, com base na discussão proposta por Bakhtin e o Círculo sobre o discurso de outrem no discurso, bem como nas formas de heterogeneidade mostrada marcada postuladas por Authier-Revuz, apresenta-se uma análise discursiva dialógica de dois enunciados publicitários. Ambos os enunciados - a saber: um da instituição financeira HSBC, veiculado como anúncio publicitário na revista brasileira de negócios  Você S/A,  e outro da empresa de cosméticos e produtos de beleza Nivea, veiculado como post  na página da marca na rede social  Facebook - utilizam-se das palavras de Simone de Beauvoir,  devidamente creditadas à escritora e filósofa francesa e delimitadas explicitamente nos enunciados publicitários através do uso de aspas. Os resultados apontam que, ao refratar valores, o discurso que cita possibilita atribuir ao discurso citado diferentes valorações. Essas diferentes valorações, por sua vez, permitem que o discurso que cita distorça, confronte e até mesmo contradiga o discurso citado.