logo

Programação do 63º seminário do GEL


63º SEMINáRIO DO GEL - 2015
Título: Explorando as combinatórias lexicais do português brasileiro a partir do paradigma do priming semântico.
Autor(es): Aline Luiza da Cunha. In: SEMINÁRIO DO GEL, 63 , 2015, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2015. Acesso em: 03/03/2024
Palavra-chave combinatrias lexicais, Priming semntico, teoria lexical
Resumo

Com embasamento na Lexical Priming (Hoey, 2005), este trabalho tem por objetivo apresentar conceitos e discutir aspectos metodológicos do paradigma de priming semântico e as possibilidades de uso para o estudo do processamento das combinatórias lexicais do português brasileiro, retiradas de textos publicitários de uma revista de grande circulação nacional, a saber  Veja, entre os anos 2009 e 2012. Para este trabalho utilizaremos as colocações denominadoras novas (LOURO, 2001), ou seja, as colocações referenciais que não aparecem no em nosso corpus de exclusão composto por três obras lexicográficas: Dicionário Houaiss da língua portuguesa (2009), versão eletrônica;  Dicionário Aurélio da língua portuguesa (2010), versão eletrônica e Dicionário Caldas Aulete (2013), versão online. Como embasamento teórico, utilizaremos a  Lexical Priming  (Hoey, 2005), uma teoria que defende a ideia de que o léxico não pode ser dissociado da gramática e com isso, busca investigar e explicar como as palavras interagem umas com as outras. Sobre essa teoria, Bissaco (2014) salienta que seu objetivo é explicar como as palavras se agrupam para promover naturalidade de uso e, também para gerar sistematicidade e complexidade na língua. Dentre as possibilidade de análise das associações das colocações, faremos uma análise relativa à interação semântica das combinatórias lexicais citadas acima. Utilizaremos o priming semântico como um recurso metodológico para verificar se existe e qual a relação de significado ou de contexto entre os eventos antecedentes (prime) sobre o desempenho subsequente (alvo) das colocações (SALLES & JOU & STEIN, 2007).   As colocações desempenham um papel central no ensino do léxico de acordo com a Lexical approach (LEWIS, 1993, 1997) e, por este motivo será objeto de análise em nosso trabalho. Ao fazer essa análise, esperamos contribuir para o ensino de português como língua materna, ao oferecer pistas sobre a organização do léxico e, consequentemente, seu ensino em sala de aula.