logo

Programação do 63º seminário do GEL


63º SEMINáRIO DO GEL - 2015
Título: ZPD criadas em interações durante a produção do gênero artigo de opinião
Autor(es): Juliana Ormastroni de Carvalho Santos. In: SEMINÁRIO DO GEL, 63 , 2015, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2015. Acesso em: 24/02/2024
Palavra-chave Interao, ZPD, Artigo de opinio
Resumo

Esta comunicação pretende discutir um projeto de Doutorado voltado à investigação dos processos de escrita do gênero artigo de opinião e que tem como objetivos: a) identificar as características da interação durante o processo de produção escrita e b) identificar os modos de apropriação das capacidades de linguagem relacionadas ao AO. A pesquisa baseia-se no quadro da Teoria da Atividade Sócio-Histórico-Cultural (TASHC), a fim de analisar o desenvolvimento da mente humana em situações de atividade social prática. A metodologia de pesquisa está embasada na Pesquisa Crítica de Colaboração (PCCol) (Magalhães, 2011), metodologia que entende as transformações escolares por meio da criação de instrumentos que permitem aos sujeitos das instituições de ensino olharem e compreenderem os sentidos e significados das próprias ações, bem como as de outros e relacioná-las ao seu contexto histórico-cultural. A seção a ser apresentada discute, com base em Vygotsky (1934/1991), os pressupostos teóricos sobre mediação entre o sujeito com o ambiente cultural e o conceito de Zona de Desenvolvimento Proximal (ZPD, do inglês zone of proximal development).

O conceito de ZPD, cuja base é materialismo histórico-dialético, relaciona aprendizagem e desenvolvimento e teoria e prática como processos interligados e integrados à realidade.   O foco deste processo está no instrumento e no papel do outro na internalização do conhecimento (Magalhães, 2009).

Esse conceito foi fundamental para compreender as interações entre os participantes e buscar a organização de um contexto caracterizado por relações sociais colaborativas, que garantissem a presença da contradição como fonte para a mudança, conforme proposto por Engeström (2008), a fim de garantir a internalização e externalização de saberes relacionados à produção escrita de um artigo de opinião.

Assim, quando se fala em colaboração, também se refere a contradições, expressas nos momentos de questionamento e negociação na busca de um significado compartilhado. Magalhães e Fidalgo (2007) ressaltam o papel da colaboração para a coprodução de novos sentidos na zpd, quando vêm à tona sentidos novos, antigos e diferentes simultaneamente à construção da confiança e ao confronto de ideias.

Nesta investigação, procurou-se criar ZPDs nas interações entre alunos-alunos, professores-alunos, alunos-professores, principalmente em momentos de discussão sobre temas diversos, quando se buscou instaurar momentos de negociação que garantisse a organização colaborativa e argumentativa da linguagem.