logo

Programação do 63º seminário do GEL


63º SEMINáRIO DO GEL - 2015
Título: O percurso narrativo de Assassin´s Creed Revelations
Autor(es): Jssica de Amorim Barbosa. In: SEMINÁRIO DO GEL, 63 , 2015, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2015. Acesso em: 25/02/2024
Palavra-chave narrativa, game, percurso
Resumo

Observamos que as narrativas de entretenimento de massa da contemporaneidade, onde o game se insere, costumavam apresentar um desenvolvimento narrativo mais simplificado e linear. Hoje, notamos uma evolução nos modos de apresentação dessas narrativas, pois, de uma maneira geral, elas trazem um conteúdo mais dinâmico, imersivo e que permite formas de interação diferenciadas, como as que acontecem em um jogo eletrônico, em que a narrativa é construída no ato do jogar. Com base nos preceitos da semiótica francesa, dos estudos realizados por autores como Fiorin (2005), Bertrand (2003) e Landowski (2014), nossa pesquisa busca compreender como uma narrativa complexa contemporânea de um texto audiovisual como o game constrói seus efeitos de sentido e mantém a adesão do enunciatário jogador, partindo do pressuposto de que a construção de sentido ocorre por meio da interação. Por meio do estudo de um jogo da franquia Assassin´s Creed, o quarto da série denominado Revelations, produzido pela empresa Ubisoft, cuja narrativa, como em todo jogo eletrônico, se constrói em co-autoria com o enunciatário- jogador no percurso do jogar, estudamos através de levantamentos bibliográficos e a prática do jogo, o ponto de vista das estratégias enunciativas utilizadas pelo enunciador a fim de estabelecer os contratos de adesão aos enunciatários-jogadores. Partindo do pressuposto semiótico de que o próprio texto determina as formas de interação, este trabalho investiga como essas estratégias enunciativas ressignificam a narrativa através da interferência do enunciatário jogador. Neste trabalho   propomos apresentar um recorte inicial da pesquisa que está em desenvolvimento na nossa dissertação de mestrado. Nosso objetivo é fazer uma análise descritiva da estrutura narrativa do jogo, com ferramentas da base teórica da semiótica da ação, para compreendermos o funcionamento dessa narrativa e como ela se organiza no nível narrativo do percurso gerativo de sentido, com ênfase em um estudo acerca das modalidades. Essa primeira análise nos dará suporte para entendermos os processos enunciativos e interativos do ato de jogar.