logo

Programação do 63º seminário do GEL


63º SEMINáRIO DO GEL - 2015
Título: A vez dos veteranos está chegando?
Autor(es): Adilson do Nascimento Gomes. In: SEMINÁRIO DO GEL, 63 , 2015, Programação... São Paulo (SP): GEL, 2015. Acesso em: 05/03/2024
Palavra-chave Idoso, Mercado de Trabalho, Contemporaneidade
Resumo O envelhecimento da população brasileira, assim como ocorreu em alguns países ao redor do mundo, de acordo com o IBGE vem crescendo a cada ano. O aumento na expectativa de vida do brasileiro tem feito surgir enunciados no mercado de trabalho que alteram as configurações existentes nos discursos sobre o idoso, assim como as práticas sociais, dentro das empresas e das corporações ao redor do mundo. No interior das companhias emergem enunciados que colocam o profissional mais velho e sua permanência no mercado de trabalho em destaque. Diante do exposto, o objetivo desta pesquisa é observar como os discursos sobre o idoso, veiculados na mídia,   na contemporaneidade e impelidos pela historicidade e o contexto social e econômico, o re(configuram)     fazendo-o   assumir práticas sociais que o (re)constituem. Para proceder à análise se buscará compreender na reportagem:   “A vez dos veteranos está chegando?” veiculada pela revista HSM Manegement, uma revista especializada em gestão empresarial que busca formatar um modelo ideal de gestor, como os discursos presentes na mídia, na contemporaneidade, mais especificamente, os que circulam no mercado de trabalho colocam o idoso, em evidência. As observações se fundamentarão nas teorias da Análise do Discurso de linha francesa e nas reflexões de Michel Foucault que apresentam um importante referencial teórico para a análise e compreensão de como se constitui o sujeito moderno. Para observar os enunciados que emergem da reportagem e como constitui e (re)configura o sujeito idoso de acordo com as novas demandas sociais e econômicas recorreremos a noção de “acontecimento discursivo”, (FOUCAULT, 2008). Por meio da análise dos enunciados, que emergem da linguagem verbal e das imagens que produzem efeitos de sentido, verifica-se como o discurso desloca o sujeito de um lugar de “velho” a um   lugar de “veterano” impelindo o sujeito idoso a contribuir por mais tempo com a força de seu trabalho.